TIPOS DE ESTUDOS

马上开始. 它是免费的哦
注册 使用您的电邮地址
TIPOS DE ESTUDOS 作者: Mind Map: TIPOS DE ESTUDOS

1. ESTUDO DE CASO

1.1. Qualitativo

1.2. Exploratório

1.3. Baixo custo

1.4. Simples descrição

1.5. Realização fácil

1.6. 1ª abordagem de um tema

2. INVESTIGAÇÃO EXPERIMENTAL EM LABORATÓRIOS

2.1. Realizado em animais, mas pode ser realizados em humanos

2.2. Curta duração (Horas/dias)

2.3. Comparação de resultados

2.4. Reduz subjetividade dos dados

3. ESTUDOS DIAGNÓSTICOS

3.1. Rastreamento: identificação de doenças não reconhecidas na aplicação de testes

3.2. Determina melhor procedimento

3.3. Teste no diagnóstico de doença

3.4. Coorte: estudos prognósticos

3.5. Caso-controle: estudos diagnósticos

4. PESQUISA POPULACIONAL OU EPIDEMIOLÓGICA

4.1. Estuda: ocorrência, determinantes, distribuição à saúde da população humana

4.2. Estudo de pessoas doentes e sadías

4.3. Decisão sobre o grupo de pessoas: planejamento das ações à saúde

4.4. Grupos

4.4.1. Descritivos

4.4.1.1. Levanta hipóteses epidemiológicas

4.4.1.1.1. Estudos transversais e ecológicos

4.4.2. Analíticos

4.4.2.1. Ideias para estudos descritivos adicional: Novas hipóteses

4.4.2.1.1. Estudos experimentais e observacionais

5. ESTUDOS TRANSVERSAIS

5.1. Comparativo

5.2. Investiga prováveis fatores de risco

5.3. Prevalência de doença

5.4. Investiga associação entre doenças

5.5. Exposição x desfecho

5.6. Descreve grandes populações

5.7. Avaliação abrangente

6. ESTUDOS ECOLÓGICOS

6.1. Duração curta

6.2. Baixo custo

6.3. Compara frequência de doenças entre diferentes grupos

6.4. Respostas rápidas

6.5. Tipos de dados

6.5.1. Agregados

6.5.1.1. Síntese dos dados coletados em indivíduos

6.5.2. Ambientais

6.5.2.1. Características físicas do local

6.5.3. Globais

6.5.3.1. Características próprias de grupo

6.6. Subgrupos

6.6.1. Transversais

6.6.1.1. Frequência com que determina a doença

6.6.2. Longitudinal

6.6.2.1. Medir as tendências das taxas de doença

7. ESTUDO OBSERVACIONAL

7.1. Contribuição para prevenção de muitas doenças

7.2. Condições mais naturais

7.3. População-alvo

7.4. Tipos de estudo: transversal, caso-controle e coorte

8. ESTUDO CASO-CONTROLE

8.1. Grupo de doença de interesse (caso)

8.2. Grupo de indivíduos sem doença (controle)

8.3. Dados coletados por meio de entrevista, questionário ou pesquisa

8.4. Retrospectivo: investigador olha para o passado

9. ESTUDO COORTE

9.1. Longitudinal

9.2. Rápido

9.3. Barato

9.4. Parte de indivíduos sadíos

9.5. Tipos de estudos

9.5.1. Prospectivo: doença não ocorreu no início da pesquisa

9.5.2. Retrospectivo: iniciada depois que a exposição e a doença já ocorreu

10. ESTUDOS EXPERIMENTAIS OU INTERVENCIONAIS

10.1. Randonizados

10.1.1. Ensaio randomizado: sujeito é o paciente

10.1.2. Ensaio de campo: Indivíduo livres de doença

10.1.3. Ensaio comunitário: população ou comunidade, Número maior de participantes

10.2. Não randomizados

10.2.1. Não há alocação aleatória dos participantes na formação de grupo de estudo

10.2.2. Comparação: grupo, gruo múltiplos e mista