Java - Arquivos (Files)

Plan your website and create the next important tasks for get your project rolling

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Java - Arquivos (Files) por Mind Map: Java - Arquivos (Files)

1. Diretórios/Arquivos

1.1. Partner

1.2. Audiences

1.3. Leitura e Gravação

1.3.1. gravar e ler em um fluxo de caracteres (FileWriter e FileReader)

1.3.2. luxo de bytes (FileInputStream e FileOutputStream )

1.4. Criação de um objeto que representa um diretório no Windows: File objDir = new File("C:\\armario\\gaveta\\pasta");

2. 2) Entrada, Saída e Tipos de dados - Fluxo (stream) e o pacote Java.io

2.1. Classe File

2.1.1. Usada para representar o sistema de arquivos.

2.1.1.1. É apenas uma abstração - a existência de um objeto File não significa a existência de um arquivo ou diretório.

2.1.1.2. Contém métodos para testar a existência de arquivos, para definir permissões (nos Sistemas Operacionais onde for aplicável), para apagar arquivos, criar diretórios, listar o conteúdo de diretórios, etc.

2.1.1.3. Alguns métodos da classe File:

2.2. 3. Classes Utilizadas para entrada e saída de dados pertencentes ao pacote java.io

2.2.1. Serialização

2.2.1.1. - InputStream : classe abstracta que lê fluxos binários de informação - OutputStream: classe abstracta que escreve fluxos binários de informação

2.2.1.1.1. Para lermos e gravarmos em um fluxo de bytes . -FileInputStream (entrada baseada em bytes) - FileOutPutStream (saída baseada em bytes)

2.2.2. Texto/Caracteres

2.2.2.1. - Reader: a classe abstracta que lê fluxos de texto - Writer: a classe abstracta que escreve fluxos de texto

2.2.2.1.1. para gravarmos e lermos em um fluxo de caracteres (FileWriter e FileReader)

2.3. 2. Pacote java.io

2.3.1. Input e Output fazem parte do pacote java.io

2.4. 1. Em Java, basicamente, há dois formatos possíveis para gravar dados em arquivos, conforme a seguir:

2.4.1. Serialização: um arquivo irá guardar uma fila de objetos serializados. O conteúdo deste arquivo é quase ilegível, mas natural à JVM. Quando há necessidade de recuperar o objeto a partir do arquivo, ele é “inflado” e enviado para a memória, automaticamente. O fluxo é baseado em bytes, uma sequência de dados armazenando seus valores em formato binário, por exemplo se formos armazenar o número 25 em arquivo em um fluxo de bytes será armazenado em sua forma binária que seria “00011001″

2.4.2. Texto/Caracteres: um arquivo irá guardar uma cadeia de caracteres. Neste processo, o programador cria seu formato pessoal de armazenamento e pode compreendê-lo. Usa-se, geralmente, algum delimitador para materializar este formato. O fluxo é baseado em caracteres onde cada um dos caracteres é armazenado utilizando o valor unicode dele, ou seja, o caractere 2 é representado pelo valor 50 na tabela unicode e que em binário ficaria “0000000000110010″ e o caractere 5 é representado por 53 que em binario ficaria “0000000000110101″, então para armazenar o valor 25 em um arquivo baseado em caracteres seria armazenado “00000000001100100000000000110101″ a diferença dos dois não é simplesmente o tamanho, o primeiro 25 armazenado em binário é um inteiro e pode ser utilizado para um cálculo sem nenhuma conversão, o 25 armazenado como caractere foi armazenado como string e para todos os efeitos é um texto, tanto que podemos abrir um arquivo baseado em caractere em qualquer editor de texto e visualizar as informações, o mesmo não é possivel utilizando um arquivo baseado e bytes que necessita de um programa especial que converta suas informações para um formato legível para pessoas normais.

2.5. Arquivos são capazes de armazenar dados de forma persistente, ou seja, com a finalidade de manter os dados intactos até que o próprio programa o altere conforme sua própria programação. Os dados armazenados em arquivos são chamados de dados persistentes.

2.5.1. Arquivos são abertos criando-se objetos dessas classes de fluxo, que herdam de InputStream, OutPutStream, Reader e Writer.

3. 1) Arquivos (Files)

3.1. 1. Um arquivo de texto (.txt, .doc), uma música (.mp3), um vídeo (.avi) ou uma foto que salvamos (.jpg)

3.2. 2. Como criar arquivos, abrir um arquivo existente no seu computador, como ler suas informações, alterar e até mesmo apagar arquivos