ECONOMIA E MERCADOS

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
ECONOMIA E MERCADOS por Mind Map: ECONOMIA E MERCADOS

1. G20 é formado por ministros de finanças e chefes dos bancos centrais de 19 nações: os que formam o G8 e ainda 11 emergentes. No G8 estão: Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão, Reino Unido e Rússia. Os outros países membros do G20 são: Brasil, Argentina, México, China, Índia, Austrália, Indonésia, Arábia Saudita, África do Sul, Coreia do Sul e Turquia. A União Europeia, em bloco, é o membro de número 20, representado pelo Banco Central Europeu e pela presidência rotativa do Conselho Europeu.

2. ONU - ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS

2.1. Ela surgiu ao final da Segunda Guerra Mundial (1939-1945) em substituição à antiga Liga das Nações e objetiva promover a paz e a segurança mundial.

2.2. A principal instância decisória da ONU é o Conselho de Segurança, formado por um grupo muito restrito de países. Na verdade, esses países são os antigos vencedores da Segunda Guerra Mundial.

2.3. Rússia (ex-União Soviética), Estados Unidos, França, Reino Unido e a China (essa última não participou ativamente da Segunda Guerra, mas conseguiu grande prestígio e poder internacionais, capazes de assegurar uma vaga no Conselho).

2.4. A principal instância decisória da ONU é o Conselho de Segurança, formado por um grupo muito restrito de países. Na verdade, esses países são os antigos vencedores da Segunda Guerra Mundial.

3. OIT - ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO

3.1. Instituição responsável por regulamentar, fiscalizar, estudar e avaliar as relações de trabalho existentes em todo o mundo.

3.2. É considerada uma organização “tripartite”, ou seja, formada por três tipos diferentes de forças: os governos de 182 países, além de representantes de empresas empregadoras e de representações trabalhistas ou sindicais.

4. OMC - ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DO COMÉRCIO

4.1. Responsável por legislar e acompanhar as transações econômicas e comerciais realizadas entre diferentes países.

4.2. Promover a liberalização mundial do comércio, visando combater o chamado protecionismo alfandegário, em que uma nação impõe elevadas tarifas para produtos estrangeiros a fim de favorecer a indústria local.

5. UNICEF - FUNDO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A INFÂNCIA

5.1. Tem o objetivo de promover a defesa dos direitos das crianças.

5.2. Está presente em 191 países e territórios de todo o mundo.

5.3. Depois da Segunda Guerra Mundial, muitas crianças na Europa, no Oriente Médio e na China ficaram órfãs, sem família, sem comida e muito mais. Então, um grupo de países reunidos pela Organização das Nações Unidas (ONU) resolveu criar um fundo para ajudar essas crianças, e desde então a Organização permanece na atividade.

6. OMS - ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE

6.1. Surgiu com a proposta de cuidar de questões relacionadas com a saúde global

6.2. Essa agência especializada das Nações Unidas foi fundada em 7 de abril de 1948, quando seus estatutos foram ratificados.

6.3. Atualmente, mais de 7000 pessoas trabalham em 150 escritórios em diferentes países, em seis escritórios regionais e na sede, em Genebra.

6.4. O objetivo da OMS, de acordo com sua constituição, é garantir a todas as pessoas o mais elevado nível de saúde. Vale destacar que essa agência define saúde como um estado de completo bem-estar físico, mental e social, ou seja, a saúde é muito mais do que a ausência de doenças.

6.5. Funções da OMS

6.5.1. > Ajudar os Governos no fortalecimento dos serviços de saúde; > Estimular trabalhos para erradicar doenças;Promover a melhoria da nutrição, habitação, saneamento, recreação, condições econômicas e de trabalho da população; > Estimular a cooperação entre grupos científicos para que estudos na área de saúde avancem; > Fornecer informações a respeito de saúde; > Realizar a classificação internacional das doenças.

7. UNESCO - ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E CULTURA

7.1. Fundada logo após o fim da Segunda Guerra Mundial, com o objetivo de contribuir para a paz e segurança no mundo, através da educação, da ciência, da cultura e das comunicações

7.2. A sede da Unesco fica em Paris, na França, e atua em 112 países.

7.3. A Unesco colabora para a formação de professores e contribui para a construção de escolas e à doação de equipamento necessário para o seu funcionamento, além de promover atividades culturais para as comunidades valorizarem seu patrimônio cultural através da preservação das entidades culturais e tradições, assim como a promoção dos livros e a leitura.

7.4. > Um dos principais objetivos da organização é reduzir o analfabetismo no mundo, e contribui para isso financiando a formação de professores, e criando escolas em regiões de refugiados. > Na área de ciência e tecnologia, a Unesco promove pesquisas para orientar a exploração dos recursos naturais, além de criar programas para proteção dos patrimônios culturais e naturais além do desenvolvimento dos meios de comunicação.

8. IDH - ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO

8.1. Medida utilizada para aferir o grau de desenvolvimento de uma determinada sociedade nos quesitos de educação, saúde e renda.

8.2. O IDH é uma referência numérica que varia entre 0 e 1. Quanto mais próximo de zero, menor é o indicador para os quesitos de saúde, educação e renda. Quanto mais próximo de 1, melhores são as condições para esses quesitos. No mundo, nenhum país possui o IDH zero ou um.

9. FAO - ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA ALIMENTAÇÃO E AGRICULTURA

9.1. Agência especializada do Sistema ONU que trabalha no combate à fome e à pobreza por meio da melhoria da segurança alimentar e do desenvolvimento agrícola.

9.2. Criada em 1945, a FAO também atua como fórum de negociação para debater políticas e impulsionar iniciativas ligadas à erradicação da fome e da insegurança alimentar

9.3. Nesse sentido, a Agência busca apoiar os países em desenvolvimento com a formulação e a execução de políticas e projetos de assistência técnica em apoio a programas nas áreas alimentar e agrícola, incluindo todas as atividades primárias (agricultura, pecuária, extrativismo, pesca, outros), em parceria com outros órgãos das Nações Unidas.

9.4. Constituída por 191 países membros e pela União Europeia, a FAO possui cinco oficinas regionais e 78 escritórios nacionais.

10. FMI - FUNDO MONETÁRIO INTERNACIONAL

10.1. Organização supranacional criada em 1944 pela Conferência de Bretton Woods, nos Estados Unidos.

10.2. Tem por objetivo controlar as finanças e a economia internacional, de forma a evitar problemas econômicos, tais como as Crise de 1929 e qualquer outro tipo de instabilidade financeira.

10.3. Sua sede encontra-se atualmente na cidade de Nova York.

10.4. Atualmente, o FMI possui 188 países-membros, cada qual responsável por depositar quantias em dinheiro para o fundo, de modo que aqueles que mais contribuem e detêm mais capital são aqueles que, posteriormente, poderão contrair os maiores empréstimos e também contar com um maior poder de decisão nas votações internas.

10.5. Quando um país encontra-se em dificuldades econômicas ou necessita de recursos para adotar algum tipo de política estrutural ou social, ele pode recorrer ao FMI e requisitar um empréstimo.

11. GRUPO FINANCEIRO

11.1. G8

11.1.1. Denomina os oito países mais ricos e influentes do mundo: Estados Unidos, Japão, Alemanha, Canadá, França, Itália, Reino Unido e Rússia.

11.1.2. A discussão gira em torno do processo de globalização, abertura de mercados, problemas ambientais, ajudas financeiras para economias em crise, entre outros.

11.1.3. Segundo líderes do grupo, as discussões propostas nas reuniões têm por finalidade diminuir as disparidades entre as economias dos países subdesenvolvidos.

11.2. G20

11.2.1. Explicitamente, a função do G-8 é a de decidir qual ou quais caminhos o mundo deve seguir, pois esses países possuem economias consolidadas e suas forças políticas exercem grande influência nas instituições e organizações mundiais, como ONU, FMI, OMC.

11.2.2. É um grupo dos 20 países mais a União Europeia, que se reúne anualmente para debater sobre os caminhos da economia mundial.

11.2.3. G20 Financeiro, o termo diz respeito à reunião periódica que acontece entre os chefes de estado e os chefes dos bancos centrais dos países membros. O encontro é para que discutam os rumos da economia mundial.

11.2.4. O objetivo do G20 é promover a cooperação entre essas nações. Buscando um crescimento estável e sustentável, que seja capaz de trazer benefícios a todos os países membros e também para a economia mundial, de maneira geral.

12. BRICS

12.1. Termo utilizado para a tradição de coordenação política entre Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

12.2. Não se trata de um bloco econômico ou uma instituição internacional, mas de um mecanismo internacional na forma de um agrupamento informal, ou seja, não registrado burocraticamente com estatuto e carta de princípios.

12.3. o BRICS desenvolveu cooperação setorial em diferentes áreas como: ciência e tecnologia, promoção comercial, energia, saúde, educação, inovação e combate a crimes transnacionais. Hoje, a cooperação já abrange mais de 30 setores.

13. ACNUR - ALTO COMISSARIO DAS NAÇÕES PARA OS REFUFIADOS

13.1. Criado pela Resolução n.º 428 da Assembleia das Nações Unidas, em 14 de dezembro de 1950.

13.2. Tem como missão dar apoio e proteção a refugiados de todo o mundo.

13.3. Sua sede é em Genebra, Suíça.

13.4. Possui mandato para proteger os refugiados e buscar soluções duradouras para os seus problemas.

13.5. As principais soluções duradouras são repatriação voluntária, integração local e reassentamento em um terceiro país.