INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO: REFLEXÕES E POSSIBILIDADES DE USO NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO: REFLEXÕES E POSSIBILIDADES DE USO NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM por Mind Map: INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO: REFLEXÕES E POSSIBILIDADES DE USO  NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

1. Modalidades de Avaliação

1.1. Avaliação Diagnóstica

1.1.1. Situa o professor e aluno no início de um processo de ensino e aprendizagem.

1.1.1.1. o professor pode averiguar as causas das dificuldades de aprendizagem apresentadas repetidamente pelo aluno.

1.2. Avaliação formativa

1.2.1. Situa o professor e aluno durante um processo de ensino e aprendizagem.

1.2.1.1. Possibilita reformulações necessárias, a fim de assegurar o curso da aprendizagem do aluno. Indica se os objetivos propostos estão sendo alcançados pelos alunos.

1.3. Avaliação somativa

1.3.1. Situa o professor e aluno no final de um processo de ensino e aprendizagem.

1.3.1.1. A avaliação somativa é a forma de avaliação mais realizada na escola, muitas vezes sendo utilizada com função classificatória.

2. Os instrumentos de avaliação

2.1. possibilitam o acompanhamento da aprendizagem do aluno, visto que expressam o que o aluno aprendeu, deixou de aprender ou ainda precisa aprender

2.1.1. São elas:

2.1.1.1. Prova

2.1.1.1.1. A prova promove uma sensação de justiça e igualdade ao professor, visto que utilizou o mesmo instrumento, com as mesmas questões para avaliar todos seus alunos igualmente. Porém, essa sensação pode ser falsa, visto que a prova pode ser utilizada como instrumento para correção de atitudes comportamentais, ser elaborada com alto ou baixo grau de dificuldade, desrespeitar o contrato didático, não apresentar questões de forma clara, entre alternativas.

2.1.1.2. Observação

2.1.1.2.1. A observação é um instrumento de avaliação utilizado na escola com fim informal.

2.1.1.3. Relatório

2.1.1.3.1. Relatório escolar pode ser utilizado como instrumento de avaliação. Constitui um documento escrito pelo aluno, em forma de narrativa, a fim de expressar um estudo ou uma atividade desenvolvida.

2.1.1.4. Portfólio

2.1.1.4.1. O portfólio é um instrumento de avaliação constituído pela “organização de uma coletânea de registros sobre aprendizagens do aluno que favoreçam ao professor, aos próprios alunos e às famílias uma visão evolutiva do processo” (HOFFMANN, 2002, p.201).

2.1.1.5. Conselho de classe

2.1.1.5.1. O conselho de classe constituiu um instrumento de avaliação do aluno, usado às vezes com propósito de aprovação ou reprovação do aluno

2.1.1.6. Mapa conceitual

2.1.1.6.1. O Mapa conceitual pode ser utilizado como recurso de ensino ou como instrumento de avaliação. Quando inserido como parte do processo avaliativo, é necessário que os alunos sejam informados e sejam orientações quanto à construção da atividade, visto que essa possui características específicas.

3. Segundo Vasconcellos (2003), a reflexão crítica dos instrumentos de avaliação remete o professor a alguns questionamentos voltados ao como são preparados os instrumentos, como analisados e corrigidos, como é feita a comunicação dos resultados e o que se faz com os resultados obtidos. Todos esses aspectos necessitam ser amadurecidos pelo professor. Porém, a elaboração do instrumento é um ponto crucial nessa reflexão.