Histologia Vegetal

Jetzt loslegen. Gratis!
oder registrieren mit Ihrer E-Mail-Adresse
Histologia Vegetal von Mind Map: Histologia Vegetal

1. Tecidos meristemáticos ou de crescimento

1.1. Meristema primário

1.1.1. Os meristemas primários são os tecidos vegetais responsáveis ​​pelo crescimento primário da planta.

1.1.1.1. São meristemas primários: Protoderme- possui localização periférica e sua função é originar uma epiderme da planta. Meristema fundamental -responsável pela formação dos parênteses, do colênquima e da esclerênquima. Processo de negociação-responsável pela formação de tecidos vasculares. Caliptrogênio- sistema responsável pela formação da coifa.

1.1.2. Estão presentes em todos os grupos de vegetais e localizam-se no local da caule, ao longo da caule (gemas laterais ou gemas axilares) e na região subterminal da raiz (na ponta da raiz encontra-se em coifa, com função de proteção da área meristemática

1.2. Meristema secundário

1.2.1. A função do meristema secundário é produzir a periderme que é responsável por substituir a epiderme, produzindo um tecido protetor da planta

1.2.1.1. câmbio vascular

1.2.1.1.1. Tem origem no centro da raiz ou do caule, na parte interna do xilema secundário e externa do floema.

1.2.1.1.2. felogênio

1.2.2. Meristema secundário

2. Tecidos meristemáticos ou de crescimento

2.1. Sustentação

2.1.1. Divididos em colênquima e esclerênquima. O colágeno é composto de células vivas, com cloroplastos e ocorre em cápsulas verdes e pecíolo de folhas. A esclerênquima é formada por células mortas ricas em linha.

2.2. Condução

2.2.1. Responsáveis ​​pelo transporte das seivas bruta e elaborada. O xilema é o tecido especializado em transporte de água bruta (água e minerais), formado por células mortas, alongadas e de parede celular linificada. O floema tem a função de conduzir a atividade elaborada e é constituído por células vivas, alongadas, com paredes transversais pontilhadas de poros e anucleadas.

2.3. Preenchimento / parênquima

2.3.1. São formados por células vivas, volumosas, com vacuolos grandes e parecem celulares pouco espessa. É dividido em parênquimas clorofilados, que possui células ricas em cloroplastos; reservas de reserva, formadas por células de armazenamento de vários tipos de substâncias, que armazenam amido e parênquima aerífero, que armazenam ar.

2.4. Secreção

2.4.1. É o chamado tecido glandular. A função do tecido glandular é uma secreção de substâncias. A chave desse tecido é como células secretoras, capaz de produzir algumas substâncias ou concentrar e armazenar outras. As secções podem ser expulsas para o exterior ou para o interior da planta.

2.5. c

2.5.1. São responsáveis, principalmente pela proteção do vegetal. Nesse grupo há uma epiderme, formada por células vivas, achatadas, justas, que reveste externamente os órgãos da planta, e além da função de proteção, é responsável pela absorção de água e sais minerais, excreção, secreção e trocas gasosas.

3. Tecidos meristemáticos ou de crescimento:

3.1. células indiferenciadas (origem dos demais tecidos da planta), parede celular delgada, núcleo volumoso (grande capacidade de divisão), plastos indiferenciados e muitos vacúolos pequenos.