Tecido Conjuntivo

Jetzt loslegen. Gratis!
oder registrieren mit Ihrer E-Mail-Adresse
Tecido Conjuntivo von Mind Map: Tecido Conjuntivo

1. Cartilagem mais comum no organismo, apresenta cor branco-azulada e translúcida e sua matriz é hialurônico, glicoproteínas e proteoglicanos.

2. Representa a maior parte do tecido ósseo dos ossos curtos, chatos e irregulares.

3. São encontrados nas diáfises (haste longa do osso).

4. São células achatadas com vários prolongamentos citoplasmáticos e que são as células mais abundantes nesse tecido. Elas estão no interior da matriz óssea mais precisamente no interior das lacunas, que estão presente apenas uma por célula.

5. Hialina:

6. É uma forma especializada de tecido conjuntivo rígido que dá sustentação aos tecidos moles.

7. É o principal constituinte do esqueleto e tem como função sustentar e proteger órgãos.

8. Denso não modelado:

8.1. Fibras sem orientações dos feixes definida, o que confere resistência e elasticidade.

9. Origem:

9.1. Mesenquimal

10. Função:

10.1. Manutenção da forma do corpo (estrutural), reserva de fatores de crescimento controladores de proliferação e diferenciação celular e meio de troca de nutrientes.

11. Principais células:

11.1. Fibroblastos;

11.1.1. Sintetizam colágeno e elastina, glicosaminoglicanas e proteoglicanas que participam da matriz extracelular.

11.2. Mastócitos;

11.2.1. Estoque de mediadores químicos para inflamações e alergias (histamina e heparina) e contém fator da anafilaxia e leucotrienos (contração de músculos lisos).

11.3. Macrófagos;

11.3.1. Defesa, fagocitose, secretores de substâncias para o reparo tecidual.

11.4. Plasmócitos:

11.4.1. Síntese de anticorpos.

12. Tecido C. Propriamente Dito

13. Origem:

13.1. Mesenquimal.

14. Função:

14.1. Suporta estruturas submetidas à pressão entre células musculares, suporte células epiteliais em torno de vasos sanguíneos, derme, hipoderme, membrana serosas, cavidades peritoneais e pleurais e glândulas.

15. Células Predominantes.

15.1. Predominam fibroblastos e macrófagos, com fibras de colágeno e elastina.

16. FROUXO:

16.1. O tecido conjuntivo frouxo é um tecido delicado, flexível, bem vascularizado e não muito resistente a trações sendo o mais comum dos tecidos conjuntivos e possui a maior distribuição no organismo.

17. Conjuntivo Denso:

17.1. Também chamado de fibroso é conhecido por esse nome por conta da formação mais rígida, que é bastante rico em colágeno e fibras.

18. Origem:

18.1. Mesenquimal

19. Função:

19.1. Como possui menos células e uma predominância de fibras colágenas em relação ao frouxo, o denso é mais flexível, mais resistente à tensão e protege os tecidos.

20. Da forma que possui fibroblastos e fibras colágenas, dependendo da organização dessas fibras, é classificado como:

21. Denso Modelado:

21.1. Feixes de colágeno paralelos e alinhados com os fibroblastos, ex: Tendões.

22. Tecido Cartilaginoso:

23. Origem:

23.1. Mesenquimal

24. Função:

24.1. Suporte aos tecidos moles, revestimento de superfície articular (absorve choques, facilita deslizamento de ossos nas articulações), essencial para formação e crescimento de ossos.

25. Células:

25.1. Condrócitos, abundante matriz extracelular, com vasos sanguíneos, sem vasos linfáticos ou nervos.

26. Cartilagens:

26.1. Elástica:

26.1.1. Cor amarelada é constituída por uma grande quantidade de fibras elásticas e poucas fibrilas colágenas do tipo II.

26.2. Fibrosa:

26.2.1. É constituída por fibras colágenas do tipo I, apresenta menos ácido hialurônico, proteoglicanos e fibras colágenas formam feixes, sua nutrição é por meio do tecido conjuntivo denso ao qual ela está ligada.

27. Tecido Adiposo:

27.1. O tecido adiposo é um conjuntivo especializado que armazena gordura em suas células, maior reserva do organismo na forma de triglicerídeos.

28. Origem:

28.1. Mesoderma do embrião

29. Função:

29.1. Serve como armazenamento de gordura, reserva energética do organismo e também pode atuar como isolante térmico ( que ajuda na manutenção de temperatura do corpo) e como proteção contra os choques mecânicos.

30. Células:

30.1. Fibroblastos, macrófagos, mastócito e plasmócito.

31. Tecido ósseo:

32. Origem:

32.1. Matriz óssea

33. Função:

33.1. Tem função de sustentação e proteger os órgãos, alojar e proteger a médula óssea e apoiar os músculos possibilitando um sistema de alavancas que potencializam o movimento e as forças geradas durante a contração muscular.

34. Células:

34.1. Osteoblastos:

34.1.1. São células cuboides ou alongadas relacionada com a síntese de porção orgânica da matriz óssea. São responsáveis por produzir osteonectina osteocalcina que são duas proteínas não colágenas.

34.2. Osteoclastos:

34.2.1. São destacadas por serem grandes, apresentam vários núcleos, são muito ramificados e móveis. Está célula está associada a reabsorção óssea que só é possível por esta célula de enzimas que garantem a quebra de sais mineiras e da porção proteica.

34.3. Osteócitos:

35. Classificação:

35.1. Osso compacto:

35.1.1. Estão relacionado com proteção, suporte e resistência.

35.2. Osso Esponjoso

35.2.1. É encontrado nas epífises (as extremidades alargadas de um osso longo).