Podemos escolher o que semear, Mas somos obrigados a colher aquilo que plantamos. (Provérbio...

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Podemos escolher o que semear, Mas somos obrigados a colher aquilo que plantamos. (Provérbio Chinês) by Mind Map: Podemos escolher o que semear,   Mas somos obrigados a colher   aquilo que plantamos.  (Provérbio Chinês)

1. Problemas

2. III - TUTELA

3. IV - ADOÇÃO

4. Cuidar do solo

5. TEMPORÁRIA/EXCEPCIONAL

6. DIREITO DE DEPENDENTES (INCLUSIVE DE PREVIDENCIÁRIOS)

7. PRÉVIA DECRETAÇÃO DE PERDA OU SUSPENSÃO DO PODER FAMILIAR

8. IMPLICA GUARDA

9. NÃO DESFAZ VÍNCULOS

10. MEDIDA EXCEPCIONAL E IREEVOGÁVEL

11. ATRIBUI CONDIÇÃO DE FILHO

12. REGRAS PARA ADOÇÃO

13. NÃO PODEM ASCENDENTES OU IRMÃOS

14. ADOÇÃO CONJUNTA, UNIDOS OU CASADOS

15. ADOTANTE 16 ANOS OU MAIS  QUE O ADOTADO

16. PROJETO HORTA ESCOLAR-

17. ADOÇÃO INTERNACIONAL

18. SÓ PODE ACONTECER SE FOR A SOLUÇÃO MAIS ADEQUADA

19. OS BRASILEIROS QUE RESIDEM NO EXTERIOR TÊM PREFERÊNCIA

20. INTERVENÇÃO DE AUTORIDADE CENTRAIS ESTADUAIS E FEDERAIS

21. DEVERES

22. DEVERÁ FORMULAR UM PEDIDO DE ADOÇÃO A AUTORIDADE CENTRAL

23. A AUTORIDADE CENTRAL CUIDA DOS TRAMITES INTERNACIONAIS

24. OS PAÍS ESTRANGEIRO TEM QUE ESTAR CADASTRADO PARA ADOÇÃO BRASILEIRA

25. FAZ-SE NECESSÁRIO UM INTERMEDIÁRIO RESPONSÁVEL

26. É OBSERVADA A SITUAÇÃO FINANCEIRA DOS ADOTANTES

27. ANUALMENTE DEVE SER APRESENTADO UM RELATÓRIO PÓS ADOTIVO

28. TODA ADOÇÃO DEVERÁ RESPEITAR  A CONVENÇÃO  DE HAIA

29. A Convenção da Haia de 25 de outubro de 1980 sobre os aspectos civis da subtração internacional de menores trata de combater o sequestro parental de crianças através de um sistema de cooperação entre autoridades centrais e um procedimento rápido para restituição do menor ao país de residência habitual.