Introdução a projetos

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
Introdução a projetos by Mind Map: Introdução a projetos

1. 1. Compreender as metas de tempo, custo e qualidade do projeto. 2. Reconhecer as habilidades disponíveis e que as requeridas para o projeto podem ser diferentes. 3. A duração da designação para um projeto é temporário. 4. Compreender a designação específica do trabalho. 5. Participar do planejamento do prometo. 6. Informar sobre o progresso do trabalho

2. definição

2.1. A definição inicial de um projeto é “qualquer empreendimento que tenha objetivos claros e definidos que representam valores específicos a serem usados para satisfazer alguma necessidade ou desejo"

2.2. Na gerência de um projeto são postas em prática as funções administrativas tradicionais de planejamento, organização, motivação, direção e controle.

3. Responsabilidades dos profissionais de um projeto:

4. A elaboração de um projeto

4.1. Elaborar projeto significa planejar cursos específicos e dinâmicos de ação, tendo-se em mente articular todos os elementos envolvidos (pressupostos, objetivos, objeto, método e seus desdobramentos, clientes, condições físicas, materiais, financeiras e circunstâncias necessárias para sua execução), a partir de uma visão concreta da realidade e comprometimento com a sua transformação.

5. Identificação do projeto

5.1. Tem por objetivo apresentar as informações básicas para sua caracterização geral, de modo a dar uma idéia sobre a sua abrangência e aspectos gerenciais básicos. É o seu título, que traduz a natureza do projeto; a unidade ou setor onde será realizado; o programa do qual faz parte; os responsáveis pela sua execução; a determinação do período de tempo para sua execução; o cliente a que se destina e o orçamento.

6. Descrição da situação-problema

6.1. É a descrição de uma realidade específica, mediante análise de todos os seus aspectos importantes de modo a caracterizar, com clareza e objetividade, de uma situação que demanda ação de inovação, melhoria ou transformação de um projeto.

7. Proposição de objetivos

7.1. A descrição do objetivo propõe um resultado alcançável num tempo limitado, de modo a estabelecer um compromisso de trabalho.

8. Definição de metas

8.1. Uma meta corresponde a uma declaração quantitativa dos resultados do projeto, declaração esta proposta de forma mensurável, de maneira a determinar o foco específico da avaliação.

9. Ciclo de vida de um projeto

9.1. Fase 1 - Conceitual

9.1.1. Fase 2 - Planejamento

9.1.1.1. Fase 3 – Desenvolvimento

9.1.1.1.1. Fase 4 – Finalização

10. Fase 1 – Conceitual - Identificar necessidade - Estabelecer viabilidade - Identificar alternativas - Preparar proposta - Desenvolver orçamento e cronograma básicos - Formar equipe de projeto

11. Fase 2 – Planejamento - Implementar cronograma - Conduzir estudos e análises Fase 1 - Conceitual Fase 2 - Planejamento Fase 3 – Desenvolvimento Fase 4 – Finalização

12. Fase 3 – Desenvolvimento - Comprar materiais - Construir e testar ferramentas - Criar requerimentos de suporte - Produzir sistema - Verificar desempenho - Modificar conforme necessário

13. Fase 4 – Finalização - Treinar pessoal funcional - Transferir materiais - Transferir responsabilidades - Liberar recursos - Redesignar componentes da equipe de projeto

14. Principais causas de fracassos em projetos

14.1. • As metas e objetivos são mal estabelecidos; • Muitas atividades e pouco tempo para realizá-las; • As estimativas financeiras são pobres ou incompletas; • O projeto é baseado em dados insuficientes ou inadequados; • O sistema de controle é inadequado; • Projeto sem gerente ou com vários; • Não foi destinado tempo para o planejamento do projeto; • Não se conheciam as necessidades dos clientes; • Ineficiência no emprego de recursos; • Falta de dedicação por parte dos membros da equipe; • Conclusão do projeto fora do prazo; • Opinião pública desfavorável.

15. Principais causas de sucesso em projetos

15.1. • Planejamento eficaz de contingências; • Compromisso do cliente no projeto; • Objetivos realistas quanto a custo e programação; • Aplicação de modernos conceitos e processos gerenciais; • Sistema eficiente de monitoração, avaliação e controle do uso de recursos do projeto