Aprendizagem Ativa

Aprendizagem Ativa

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Aprendizagem Ativa by Mind Map: Aprendizagem Ativa

1. Design

1.1. Taxonomia de Bloom - como ferramenta de planejamento, apresenta o viés centrado ao aluno com objetivos conceituais, procedimentais e atitudinais

1.2. Design Thinking - Metodologia que possibilita que o aluno possa aprender os conceitos da disciplina e ainda adquirir habilidades como trabalho em equipe, tomada de decisão, planejamento. Dessa forma é uma metodologia inclusiva e inovadora. Além das habilidades este método permite que o aluno desenvolva o seu marketing pessoal e além de se tornar mais autônomo em relação a sua aprendizagem.

2. Avaliação

2.1. Avaliação como vilã do processo de aprendizagem é um erro

2.2. Há várias maneiras de avaliar o desempenho, além de prova. Mapas mentais, portfólios, projetos podem ser avaliações, por isso o design da avaliação é importante.

2.3. A avaliação deve ser inclusiva e permitir avaliar diferentes habilidades adquiridas pelos alunos, como pesquisar, escrever e não somente decorar conceitos.

3. Lúdico

3.1. Metodologia que envolve gamificação.

3.2. Os jogos são muito atrativos, e com o avanço da tecnologia a metodologia da gamificação vem ganhando cada vez mais espaço. Jogos além de ensinar conceitos, nos ensina sobre regras, disciplina, estratégia habilidades que utilizamos no cotidiano.

3.3. Aprender brincando tem sido uma realidade, na disciplina de química utilizo muitos jogos para estimular os alunos a aprender e a se engajarem nos estudos.

4. Mundo Digital

4.1. A tecnologia tem auxiliado muito na aprendizagem, dando a nos professores uma vasta opção de práticas e métodos para engajar os alunos nas aulas e a melhorar o processo monitoramento do ensino aprendizagem.

4.2. A metodologia blended learning e a flipped clasroom é desenvolvida na escola onde trabalho e nos dois métodos usamos a plataforma disponível na escola para que os alunos leiam a atividade e o capítulo antes da aula e lá deixamos softwares que facilitam que o aluno visualize fenômenos estudados pela química

5. Espaços e Ambientes

5.1. Os ambientes também são parte da aprendizagem.

5.2. Os espaços da escola como pátio, salas de aulas, biblioteca, quadra, refeitório, laboratórios são parte da escola e tem papel fundamental na organização do ensino. Por isso cada cantinho da escola tem como objetivo educar e a ajudar da melhor maneira para que o processo de ensino - aprendizagem seja organizado, agradável e significativo.

5.3. Assim os ambientes escolares precisam ser agradáveis, organizados e atrativos para que o aluno possa desenvolver as habilidades socioafetivas e o seu cognitivo.

6. Ensino pela Descoberta

6.1. Permite que através da curiosidade os alunos possam explorar e aprender na prática sobre assuntos que são do seu interesse.

6.2. Na disciplina de química é comum através de aulas práticas desenvolvermos o método científico. Através da observação, das discussão dos resultados obtidos os alunos vão descobrindo que podem chegar as suas próprias conclusões sozinhos.

6.2.1. Assim eles aprendem a ter autonomia se interessam e aprendem de forma significativa sobre o assunto e acabam levando este conhecimentos para o seu cotidiano.

6.2.2. As aulas investigativas tem sido uma ótima metodologia para que os alunos se interessem sobre a química que é uma disciplina que todos consideram tão complexa.

7. Aprendizagem pela Ação

7.1. Trabalhar com metodologias ativas sempre exigira reflexão.

7.2. É importante pensar e repensar sobre as práticas adotadas, o desenvolvimento dos alunos, das atividades, avaliações ao longo do processo.

7.3. Por isso métodos metacognitivos como: O que eu não sabia? O que eu aprendi? Quais as dificuldades ainda? Se questionar sobre a evolução e as dificuldades ainda é algo comum e cíclico que deve ocorrer constantemente.