Get Started. It's Free
or sign up with your email address
MOVENDO by Mind Map: MOVENDO

1. CLIENTES

1.1. MOTORISTAS DE ÔNIBUS URBANO

1.1.1. Sistema de recompensa para que o motorista use os sistemas

1.1.1.1. cupons de desconto

1.2. MONTADORAS

1.3. EMPRESAS DE TRANSPORTE COLETIVO URBANO DE PASSAGEIROS

1.4. ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

1.5. USUÁRIO / PASSAGEIRO

1.5.1. levantar linhas que atendem mulheres que precisam descer fora do ponto por questão de segurança (direito previsto em lei)

1.5.2. deficientes e linhas que necessitam de carros adaptados

1.5.2.1. linhas que necessitam de motorista que receba treinamento para esse tipo de atendimento

1.5.2.1.1. evita acidente - evita demanda judicial

1.5.2.1.2. ponto para melhoria do dispositivo pela fabricante

1.5.3. relatos de avarias ou limpeza

1.5.4. valor agregado: todos kkk e melhoria da experiência do cliente

1.6. SINDICATOS E ENTIDADES DE REPRESENTAÇÃO

1.6.1. Necessidade de negociação coletiva

1.6.2. Homologações

2. ACESSOS/FUNCIONALIDADES

2.1. NOTÍCIAS RELACIONADAS AO SETOR

2.1.1. Área de divulgação de comunicados da empresa, como cuidados durante a epidemia

2.2. FALA MOTORISTA! conexação entre RH e motorista

2.2.1. repostas serão on-line

2.2.2. Valor agregado: agilidade na comunicação e ainda garante um arquivo digital de todas as informações

2.2.3. Valor agregado: gestão mais assertiva do RH

2.2.4. Dispor de serviços de RH de forma remota (Mobile ou Totem), evitando que seja necessário o colaborador ir ao Departamento Pessoal / RH. Serviços: Agendamento de Atendimento Pessoal (para serviços não previstos na solução); Avisos Gerais; Controle de Jornada; Digitalização de Atestado; Holerite; Informações Cadastrais; Informativo IRRF; Programação de Férias; Saldo de Horas Extras Fonte de dados: Formulários Digitais; integração de API com sistema de RH. Benefícios: Comunicação ágil e precisa do colaborador e empresa; Registro digital das informações; ajuste da equipe de RH com a demanda de atendimento.

2.2.5. levantar futuras ações trabalhista e diminuir o passivo trabalhista

2.2.6. Criar um analytics pra saber se o cara tende a meter a empresa no pau

2.3. MAPA INTERATIVO

2.4. SOLICITAÇÃO DE EQUIPE DE APOIO E SERVIÇOS TÉCNICOS

2.5. DESEMPENHO DO MOTORISTA

2.6. REGISTRO DE AVARIAS

2.6.1. rapidez para levantar o problema e enviar a equipe de apoio

2.6.2. dinamiza o estoque dos fornecedores, sendo possível inclusive uma previsibilidade

2.7. REGISTRO DE ACIDENTES

2.7.1. levantar quais são as futuras demandas e evitar processos judiciais

2.7.2. levantar as futuras indenizações

2.7.3. comparação com as ações já existentes

2.8. GERAÇÃO DE INDICADORES E ANÁLISES (espécie de google analytics)

2.8.1. Levantamento de demanda de linhas/percursos

2.8.1.1. levantar inclusive se há novos mercados (neste caso linhas/percursos) e, consequentemente, novas receitas

2.9. INTEGRAÇÃO RH / DIRETORIA

2.9.1. A integração com o RH e a diretoria permite, por ex, que a Diretoria tenha informações da folha de pagamento para tomar uma decisão operacional

2.9.2. Valor agregado: gestão mais assertiva DA Diretoria

2.10. DESEMPENHO MOTORISTA

2.10.1. Medir a quilometragem total de operação do veículo dividido pela quantidade de erros de condução (aceleração, freada, curva e velocidade) que ele tiver. A partir daí, existirá um indicador. A cada quilômetro acima da meta (que iremos estabelecer), ele ganha um crédito / reward - uma espécie de milhagem - para gerar desconto em compras em mercados ou viagens (dois pontos de interesse desse público, na minha avaliação). Fontes de dados: Integração com App de Acelerômetro e GPS. Benefícios: Melhor condução do veículo e redução dos desgastes mecânicos; evita quedas acidentais de passageiros no interior do ônibus; reduz risco de atropelamentos e colisões (maior atenção ao viário); redução de risco de indenizações por acidente Canais: App Mobile e Totem Parcerias: Mercados, Varejistas, empresas de Telefonia, e Empresas de Turismo

2.11. ME CONTE SUA VIAGEM MOTORISTA (kkk)

2.11.1. motorista reporta condições do asfalto

2.11.2. reportar semáforos demorados

2.11.3. valor agregado: otimizar a viagem, melhorar a experiência do cliente, evitar avarias

2.12. PENSANDO NA ACESSIBILIDADE

2.12.1. motoristas que atendem bem este tipo de demanda é premiado

2.12.2. levantar necessidade de carro adaptado, o que já pode fazer parte dos plano na troca da frota

3. CANAIS DE ACESSO

3.1. SITE

3.2. APLICATIVO

3.3. TOTEM

3.3.1. Terminais

3.3.2. Garagens das empresas de ônibus

3.4. TIPOS DE ACESSO: acesso restrito somente às áreas de interesse

4. CANAIS INDIRETOS

4.1. MÍDIA TÉCNICA

4.2. PARCERIA COM CANAIS PÚBLICOS DE COMUNICAÇÃO

4.3. CAMPANHAS NAS EMPRESAS DE ONIBUS

4.4. REDES SOCIAIS DIVERSAS

4.5. GOOGLE

4.6. YOUTUBE

5. RELACIONAMENTO COM OS USUÁRIOS

5.1. ASSISTÊNCIA ONLINE

5.2. TELEFONE 0800

5.3. COMUNIDADE TÉCNICA: encontros periódicos com formadores de opinião promovidos pela Plataforma

6. FONTES DE RECEITA

6.1. PROPAGANDAS / PATROCINADORES

6.2. DISPONIBILIZAÇÃO DE API PARA PARTICIPANTES INTERESSADOS

6.3. SISTEMAS DE RECOMPENSAS

7. PRINCIPAIS RECURSOS

7.1. INSTALAÇÕES DA EMPRESA

7.2. METODOLOGIA E INTEGRAÇÃO

7.3. BANCO DE DADOS

7.4. BIG DATA E DATA ANALYTICS

7.5. MARCA

7.6. EXPERIENCIA EXECUTIVA COM TRANSPORTE DE PASSAGEIROS

7.7. TI

7.8. DEPARTAMENTOS INSTALADOS: jurídico, comercial, marketing

7.9. ACESSO A FINANCIAMENTO

8. ATIVIDADES - CHAVE

8.1. FORNECIMENTO DE ACESSO AOS RECURSOS DO APLICATIVO

8.2. INTEGRAÇÃO COM PARCEIROS DE DIVERSAS PLATAFORMAS DIGITAIS

8.3. MARKETING DE PRODUTOS E SERVIÇOS PARA E DOS CLIENTES QUE INTEGRAM A PLATAFORMA

9. PRINCIPAIS PARCERIAS

9.1. PLATAFORMAS DIGITAIS

9.2. DESENVOLVEDORES DE SOFTWARES

9.3. UNIVERSIDADES

9.4. ASSOCIAÇÕES

9.5. ÓRGÃOS GESTORES

10. ESTRUTURA DE CUSTO

10.1. DIRECIONADA PELO VALOR AGREGADO

10.2. CUSTOS FIXOS: habitação, salários, impostos, etc

10.3. CUSTOS VARIÁVEIS: luz, água, telefone, internet, publicidade